O Brasil registrou mais de 59 mil casos de câncer de mama apenas em 2019, o que representa 29,5% dos cânceres em mulheres, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA). Atento a este cenário, o Outubro Rosa, mês de conscientização sobre a importância da prevenção do câncer de mama é conhecido mundialmente por ações relacionadas ao diagnóstico precoce da doença.

Celebrado anualmente desde os anos 90, o nome da ação remete à cor do laço que é um símbolo internacional usado por indivíduos, empresas e organizações na luta e prevenção do câncer de mama.

É por este motivo que durante este mês a cor rosa ilumina a fachada de diversas instituições públicas e privadas. Todos por um único objetivo: promover a adesão ao movimento e destacar que o diagnóstico precoce ainda é o maior aliado para o tratamento eficaz da doença, que é o tipo mais comum entre as mulheres no mundo, e no Brasil, depois do de pele não melanoma, correspondendo a cerca de 25% dos casos novos a cada ano.

Neste ano, o tema da campanha do INCA é “Câncer de mama: juntos, sem medo”. A frase busca fortalecer a importância do diagnóstico e do tratamento, além de desconstruir o medo da enfermidade. Um dos principais mecanismos de controle e identificação do câncer de mama, além do autoexame, é a mamografia. De acordo com o INCA, todas as mulheres com mais de 40 anos devem fazer a checagem, pelo menos, uma vez por ano.

O Grupo Mulheres do Brasil também aderiu ao movimento e, por meio do Comitê de Saúde, está realizando ao longo do mês diversas ações de conscientização, focadas em prevenção e estilo de vida. A campanha prevê posts com dicas e ‘lives’ com especialistas nas redes sociais do Grupo.

“Às vezes, usamos mais o nosso tempo no cuidar e observar o outro e deixamos a nós mesmas de lado. Somos únicas e preciosas. Temos que ter o tempo de nos cuidar. O tempo de nos observar”, alerta a médica infectologista dra. Glória Brunetti, uma das líderes do Comitê de Saúde.

Além das ações de conscientização, o Grupo Mulheres do Brasil fechou uma parceria com o Laboratório Femme, que está espalhando bem-estar e cuidados para muitas mulheres: para cada mamografia paga, seja por sistema de convênio ou particular, a paciente recebe um voucher com direito a outra mamografia para doar a uma mulher que esteja necessitando. Saiba como participar, acessando este link.

“O Câncer, doença na qual células do nosso corpo desenvolvem mutações e autonomia, vida própria, tornam-se malignas, pode nos destruir. Para evitar isto, temos que nos cuidar, nos observar, temos que prevenir. Outubro foi escolhido como mês do alerta contra o câncer de mama. Procure seu ginecologista e previna-se. Ache o tempo para a prevenção, pois para a doença, com certeza você teria tempo”, conclui Dra.Glória.

Colaborou Laura Scarpelini