A Organização das Nações Unidas (ONU) está com inscrições abertas até 30 de abril para o Programa Anual de Bolsas de Estudo para Pessoas Afrodescendentes, que oferece oportunidade de aprendizagem intensiva em questões de direitos humanos para afrodescendentes em todo o mundo.

Entre as abordagens estão direitos humanos, formas de discriminação racial, acesso à Justiça e  perfilamento racial (racial profiling). Os estudantes aprendem sobre uma ampla gama de instrumentos e mecanismos legais antirracismo da ONU, promovendo capacitação para combater o racismo e a discriminação racial, bem como a proteção e a promoção dos direitos humanos.

De acordo com a ONU, o Programa de Bolsas de Estudo é uma das principais atividades realizadas durante a Década Internacional de Afrodescendentes das Nações Unidas (2015-2024), lançada para melhorar a situação dos direitos humanos dos povos afrodescendentes no mundo.

Para participar, os candidatos e candidatas devem ter conhecimento suficiente em inglês ou francês, ter um mínimo de quatro anos de experiência profissional na promoção de direitos afrodescendentes e devem fazer parte de uma organização que atue em questões relacionadas com pessoas de ascendência africana ou direitos das minorias.

A bolsa oferece a cada participante uma passagem de avião de Genebra a seu país de origem (classe econômica), plano de saúde básico e uma verba para cobrir custos de hospedagem e outros gastos essenciais durante o programa, que será realizado em Genebra, Suíça, de 25 de novembro a 13 de dezembro de 2019. Mais informações neste link.