“O Carnaval acabou, mas o respeito às mulheres continua”

Esta é a nova mensagem do Comitê de Combate à Violência contra a Mulher, do Grupo Mulheres do Brasil, que está sendo veiculada em suas redes sociais.

Qualquer pessoa pode denunciar casos de violência contra a mulher: basta ligar 180, ou procurar uma Delegacia de Polícia.

De acordo com Elizabete Scheibmayr, uma das líderes do Comitê, o trabalho vem sendo desenvolvido desde novembro último, quando ocorreram os 16 Dias de Ativismo de pelo Fim da Violência Contra a Mulher.

“Desde então, toda quarta-feira, o Grupo de Trabalho (GT) de Comunicação do Comitê de Combate à Violência Contra a Mulher posta, em seus perfis nas redes sociais Instagram e Facebook, informações sobre violência contra as mulheres e os canais de denúncia à disposição. O objetivo é alcançar milhões de internautas para informar, alertar ou até mesmo denunciar”, diz a líder.

O Grupo convida todas as mulheres interessadas em fazer parte desse movimento que tem como objetivo transformar o país. Basta acessar o site www.grupomulheresdobrasil.org.br e fazer o cadastro. “Para nós, cada mulher conta”, conclui Elizabete.