“O Grupo Mulheres do Brasil não será o mesmo depois da experiência de ter participado da Jornada Pedagógica de Educação Infantil”. Essa afirmação de Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo, expressa o sentimento de todas as voluntárias do movimento que se uniram pela causa da Educação, neste dia 28 de junho, em uma parceria inédita com a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo.

Foto: Divulgação

Com atividades temáticas desenvolvidas em 7 Centros Educacionais Unificados (CEUs), o Grupo Mulheres do Brasil esteve representado pelos comitês de Educação, Saúde, Igualdade Racial, Políticas Públicas, Combate à Violência contra a Mulher, Sustentabilidade, Inclusão da Pessoa com Deficiência e Cultura.  Em uma ação conjunta com os profissionais da educação infantil dos CEUs de Campo Limpo, São Mateus, Navegantes, Aricanduva, Jaçanã, Jambeiro e Parque Anhanguera, o Grupo compartilhou conhecimentos e experiências com, aproximadamente, 6 mil professores e gestores.

Profissionais da Educação Infantil lotaram os auditórios dos CEUs durante a Jornada Pedagógica – Foto: Divulgação

Rosemary Hohlenwerger Schettini, psicóloga especialista em formação de professores, líder do Comitê de Educação do Grupo Mulheres do Brasil explica que a proposta não era de apresentar uma receita pronta aos participantes da jornada, mas sim promover um intercâmbio de saberes e aprendizado. “A sociedade civil precisa parar de criticar a educação e se colocar como colaboradora naquilo que realmente for prioridade, para isso antes precisamos ouvir os profissionais que estão na prática diária. Existe uma tendência no nosso país de que apenas grandes iniciativas podem resolver os problemas da educação. Nós do grupo não temos esta receita pronta, mas estamos sempre querendo nos aproximar dos atores da educação para aprender com eles e com isso termos mais condições de colaborar”, enfatiza.

Professores contam suas experiências – Foto: Divulgação

De acordo com Marisa Cesar, CEO do Grupo Mulheres do Brasil, as atividades e os conteúdos aplicados durante o evento, além de enriquecerem a troca, somaram para que os professores utilizem e repliquem em sala de aula. “É gratificante ver a possibilidade desta conexão, o Grupo Mulheres do Brasil podendo cooperar com a escola pública, com o Governo, não só engajando esses professores, mas também compartilhando um pouco de conhecimento diferenciado daquele ao qual eles têm acesso no dia a dia, em sua jornada de trabalho. Fiquei muito feliz com o resultado do nosso trabalho em parceria com a Secretaria de Educação”, diz Marisa.

Para Rosemary Schettini, os objetivos foram alcançados, tanto em relação à Jornada Pedagógica, como em relação à união e à mobilização do Grupo pela causa da Educação. “Finalizo com a certeza de que conseguimos iniciar um processo de conexão com a Educação. Tenho a mesma certeza de que nos conectamos enquanto grupo. Foram dias de diálogos entre nós e agradeço pela escuta e acolhimento de cada comitê. Juntas somos mais fortes”, conclui. Confira seu depoimento neste vídeo:

 

Um agradecimento especial de Luiza Helena Trajano às voluntárias do Grupo Mulheres do Brasil engajadas nesta causa:

“Muita gratidão por essa memorável ação, minha gratidão às líderes de cada comitê que se envolveram para dar o melhor e a todas as nossas mulheres que lotaram os CEUs, fazendo valer o nosso propósito, a nossa marca”, diz Luiza.

Na sequência das próximas matérias, apresentamos depoimentos de cada um dos Comitês temáticos, sobre a participação na Jornada Pedagógica. Acompanhe, confira nos  links abaixo:

Jornada Pedagógica – Educação

Jornada Pedagógica – Saúde

Jornada Pedagógica – Sustentabilidade e Políticas Públicas

Jornada Pedagógica – Combate à Violência contra a Mulher

Jornada Pedagógica – Cultura

Jornada Pedagógica – Inclusão da Pessoa com Deficiência

Jornada Pedagógica – Igualdade Racial