Começou hoje em São Paulo a primeira turma do #ElaPode, um programa de capacitação  para mulheres, desenvolvido pelo Instituto Rede Mulher Empreendedora (IRME),  com o apoio do Google, que irá capacitar 135 mil mulheres brasileiras a criar a própria oportunidade econômica, tornando-as confiantes e preparadas para o autodesenvolvimento pessoal e profissional. A ideia é que o programa tenha um impacto positivo na vida das participantes em aspectos como empregabilidade, geração de renda e formalização de negócios.

Estão participando do treinamento 30 mulheres de todo o país, com experiência no ambiente empresarial, que foram selecionadas por meio de edital/chamada pública nacional. Ao concluírem o programa, que terá duração de dois anos, as participantes se tornam parceiras certificadas do IRME – braço social da Rede Mulher Empreendedora – RME e receberão suporte técnico e administrativo para a disseminação do modelo no Brasil.

“Acreditamos que quando investimos em mulheres, elas contribuem dando um retorno à sociedade. Elas investem na educação dos filhos, no bem-estar das comunidades onde vivem e na construção de um mundo mais igualitário”, afirma Ana Fontes, fundadora e CEO da Rede Mulher Empreendedora.

Sobre o Instituto Rede Mulher Empreendedora – IRME: é o braço social da Rede Mulher Empreendedora – RME, que atua com causas sociais e políticas públicas, fomentando o empreendedorismo feminino e a independência financeira e de decisão da mulher no Brasil.

Google: Desde 2005, o Google.orgbraço filantrópico do Google – tem trabalhado para ampliar o alcance de organizações sem fins lucrativos e conectá-las a uma combinação única de suporte que inclui financiamento, ferramentas e voluntários de todo o Google.. Assim, o Google está apoiando o IRME no desenvolvimento pessoal e profissional das mulheres empreendedora brasileiras.