Situação nova para os brasileiros e grande parte da população mundial, o isolamento domiciliar que se faz necessário neste momento, em razão do COVID 19, traz também novos desafios e aprendizados, que vão além de questões logísticas como abastecimento e adaptação de espaços home office.

Em meio às enxurradas de notícias preocupantes com as quais somos bombardeados a cada minuto sobre o assunto, para nosso respiro, não faltam exemplos de solidariedade que se espalham pelo mundo. Quem não se emocionou com os vídeos que circularam pelas redes sociais dos italianos em isolamento cantando e se confraternizando de suas janelas para aliviar esse momento de dificuldade? E com a brasileira que deixou um recadinho no elevador de seu prédio se disponibilizando a ajudar seus vizinhos idosos no que fosse preciso?

Diante desse cenário, e a nossa Comunicação com o outro, como fica? Foi refletindo sobre essas questões que a fonoaudióloga Juliana Algodoal – que também é uma das líderes do Comitê Inserção de Refugiados, do Grupo Mulheres do Brasil –, elaborou uma série de dicas de Comunicação para que essa quarentena temporária possa transpor as barreiras do isolamento emocional.

“As pessoas têm me questionado como devem proceder para serem eficientes em sua comunicação em diversas situações envolvendo o coronavírus. A partir dessas perguntas, decidi compartilhar algumas dicas com o objetivo de facilitar a relação entre as pessoas nesse momento. Todas as dicas são embasadas em informações teóricas e científicas”, explica Juliana Algodoal.

A fonoaudióloga enfatiza que uma comunicação clara, respeitosa e eficiente faz diferença em todas as relações. “Espero que essas dicas ajudem a trazer mais leveza e facilidade nas relações”, conclui a profissional.

Confiram as dicas para comunicar-se bem em tempos de coronavírus:

  1. Ao chegar em um ambiente olhe nos olhos das pessoas cumprimentando-as com atenção e demonstrando seu respeito por elas, sem tocá-las.
  2. Demonstre sua atenção a todos com quem conversa, especialmente, a alguém que nunca viu, pois a primeira impressão é importante.
  3. Em reunião virtual procure ter atenção redobrada para criar conexão com a outra pessoa mesmo estando em ambientes diferentes.
  4. Se você estiver de máscara, deve usar os gestos das mãos, sobrancelhas e o movimento dos olhos com mais ênfase para que a pessoa te entenda.
  5. Mantenha a atitude e a aparência profissional quando estiver fazendo Home Office, a imagem é única e deve ser cuidada.
  6. Tenha paciência com as pessoas que vão te questionar, use leveza para indicar sua posição firme, não julgue.
  7. Se você é do tipo de pessoa que gosta de contato físico, tenha atenção, é natural querer tocar nas pessoas, em especial aquelas de quem gostamos.
  8. Concentre-se em transmitir a mensagem com voz tranquila, lembre-se que algumas pessoas estão com medo e podem estar mais sensíveis.
  9. Ao lidar com idosos, procure ter paciência e demonstrar seu afeto e cuidado de forma clara, pois essa população tem que ser cuidada com mais atenção.
  10. Use voz suave e fale de forma mais tranquila quando a situação for mais delicada. Controle emocional acima de tudo.

*Dicas elaboradas por Juliana Algodoal