O Grupo Mulheres do Brasil mergulhará no próximo dia 27 de junho, quinta-feira, das 18h30 às 20h, no auditório do Santander, em São Paulo, no tema Combate à Violência contra a Mulher, uma das causas globais desse movimento que já reúne mais de 28 mil mulheres no Brasil e no exterior.

Um talk show comandado pela executiva Luiza Helena Trajano, presidente do Grupo, apresentará as convidadas que debaterão o assunto: Maria da Penha, fundadora do Instituto Maria da Penha; Regina Célia Barbosa, vice-presidente do Instituto Maria da Penha; Sílvia Chakian, promotora de justiça; Raquel Preto, diretora-tesoureira da OAB; e ainda Elaine Caparroz e Jéssica Aroni, ambas vítimas de violência.

A violência contra a mulher não pode mais ser vista com indiferença pela sociedade, afirma a líder Luiza Helena Trajano. “Não podemos mais aceitar que a cada duas horas uma mulher seja morta no Brasil e que, a cada 11 minutos, uma seja estuprada. Por isso, essa causa é de todas nós e da sociedade civil. Queremos selar um pacto global pela fim da violência contra a mulher”, destaca.

O debate compõe o Programa Plugar, idealizado pelo Comitê Expansão para unir ações e metas globais de três importantes causas defendidas pelo Movimento, que também conta com seus respectivos comitês representativos: Combate à Violência Contra a Mulher, Educação e Igualdade Racial.