As integrantes francanas do Grupo Mulheres do Brasil começaram 2020 mais dispostas do que nunca a ‘Verdejar’ a cidade que é conhecida como a Franca do Imperador. “Nosso objetivo é plantar 1 milhão de árvores em Franca, com a ajuda da comunidade”, explica Elaíse Maria de Mello Barbosa, coordenadora do Comitê Verdejar.

Em tempos em que reflorestar é uma questão humanitária e de sobrevivência, o Grupo Mulheres do Brasil Núcleo Franca está espalhando o verde pelo município, com ações do Comitê Verdejar, que estão dando não apenas uma nova cor à cidade, mas também estimulando a conscientização ambiental em seus moradores.

Equipe Verdejar em reunião de planejamento – Foto: Divulgação

Desde o início das atividades, em 2017, 5.000 mudas foram plantadas na cidade pelas 50 voluntárias do Grupo, outras 1.500 foram doadas para a população. “Somente em 2019 impactamos aproximadamente 30 mil pessoas com nossas ações de plantio, educação ambiental, doação de mudas e palestras”, informa a coordenadora.

As voluntárias querem mudar a paisagem da cidade e colocar muito mais verde no horizonte. “Hoje, Franca tem, aproximadamente, 350 mil habitantes e apenas 51 mil árvores contabilizadas nas ruas, avenidas, praças e parques. Queremos mudar esses números e arborizar nossa cidade”, alerta Maria Lídia Borges Machado, vice coordenadora do Verdejar.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que as cidades tenham, no mínimo, uma árvore por munícipe, mas o ideal é que disponham de 36 m² de área verde por habitante, ou seja, três árvores por morador, já que cada árvore equivale a 12 m².

Verdejar é muito necessário neste momento de aquecimento global, ressalta Elaíse. “As árvores absorvem o dióxido de carbono que é um gás de efeito estufa, reduzem as ilhas de calor na cidade, diminuem as áreas impermeabilizadas do solo que causam enchentes na cidade, a embelezam, oferecem um ar mais puro e úmido, além de sombra e frescor. É um prazer Verdejar”, enfatiza.

Voluntárias em ação no ano passado – Foto: Divulgação

De acordo com as coordenadoras, a estratégia rumo à meta de 1 milhão de mudas plantadas, é seguir com os trabalhos de plantios mensais em bairros, intercalando com plantios em áreas públicas. Principalmente ampliando os trabalhos de educação ambiental em escolas e creches.

“Todos podem participar. Temos ações mensais num domingo pela manhã e também ações de educação ambiental durante a semana em escolas”, convida a coordenadora do Verdejar, Elaíse.  As reuniões e ações são divulgadas na página “Verdejar Franca” do Facebook, pela qual também é possível enviar mensagens e fazer contato com o grupo.